Notícias

Em novembro, custo da cesta aumenta no Norte e no Nordeste

Geral, 13 de Dezembro de 2021 às 13:30h

O custo médio da cesta básica de alimentos aumentou em nove cidades, de acordo com a Pesquisa Nacional da Cesta Básica de Alimentos, realizada mensalmente pelo DIEESE (Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos) em 17 capitais.

 

Em novembro, o custo médio da cesta básica de alimentos aumentou em nove das 17 capitais pesquisadas. Os dados são da Pesquisa Nacional da Cesta Básica de Alimentos (PNCBA), divulgada mensalmente pelo DIEESE.

 

Cestas básicas mais caras:
- Florianópolis (R$ 710,53)
- São Paulo (R$ 692,27)
- Porto Alegre (R$ 685,32)

 

Cestas básicas mais baratas:
- Aracaju (R$ 473,26)
- Salvador (R$ 505,94)
- João Pessoa (R$ 508,91) (o correto é João Pessoa)

 

Salário mínimo necessário: R$ 5.969,17
(5,42 vezes o piso nacional vigente, de R$ 1.100)

 

Confira a PNCBA completa no site do DIEESE:
https://www.dieese.org.br/analisecestabasica/2021/202111cestabasica.pdf

 

Fonte: DIEESE
 

Outras Notícias

Acesso restrito

Boletim Online

Cadastre-se e receba nossos boletins.

Parceiros